quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

Novidades

Para um farmacêutico no UK, há diferentes hipóteses: pode-se trabalhar num hospital, na indústria, numa farmácia independente, numa grande companhia ou por conta própria (locum).

Há já algum tempo que andava a pensar na vida por cá... Gosto do que faço, ando motivado e, basicamente, a aventura está a preencher aquilo a que se popôs. Mas... dadas as oportunidades que há... comecei a pensar se não seria melhor trabalhar por conta própria...

Para não andar a trabalhar com recalcamentos na cabeça, a semana passada fui falar com o Area Manager (um gajo cinco estrelas) e fui honesto. Disse-lhe que gosto muito do que faço, que me sinto motivado mas que também me agrada a ideia de ganhar mais uns trocos. Disse-lhe que já me conhecem há uns meses e já tiveram a possibilidade de ficar com uma ideia sobre mim. No fundo, perguntei-lhe o que é que a Lloyds tem em mente para mim, já que se fosse só para andar a ir um dia aqui e um dia ali, não levasse a mal, mas preferia trabalhar por conta própria (tendo mais liberdade para escolher onde e quando trabalhar).

Mas não o queria fazer sem, pelo menos, dar a possibilidade à Lloyds de me apresentar algo diferente.

Ontem voltámos a falar e agradou-me o que me propôs. Perguntou-me se estaria interessado em fixar-me na farmácia onde tenho ido mais dias e tornar-me Pharmacy Manager, passando a comandar a equipa e a dar a cara pelos resultados da farmácia. Em princípio, vou aceitar porque além da melhoria contratual e da subida na hierarquia, há também o lado do desafio: passo a ter uma equipa para gerir, targets para atingir e (pelo que já pude ver) muito trabalhinho para fazer. E caso seja demais ou não goste, a porta da saída continua lá já que ficou combinado que o fim do contrato não seria estendido.

Vamos ver como funciona... Se correr bem até pode haver mais degraus para subir...

Esta continua a ser a aventura...

1 comentário:

anita disse...

Bem-vindo ao meu mundo: o mundo das dores de cabeca, de staff infantil, de birrinhas, de responsabillidade acrescida, de problemas etc etc etc!
Mas nao e' tudo mau, uma vez comecada a luta, passas a ter uma farmacia gerida 'a tua maneira, com tudo como tu queres! Boa sorte.
Ana